CLIc: uma janela aberta às mentalidades coletivas

A literary think tank

O Clube de leituras não obrigatórias

Fundado em 28 de Setembro de 1998

18 de outubro de 2013

Somos o Clic, presencialmente ou não


Vera Leite já frequentou as reuniões do Clic e há algum tempo prefere acompanhar o Clube pela internet. Ela também participa de outros projetos literários. Descubra mais sobre nossa dinâmica e envolvente amiga na entrevista a seguir.

Vera na varanda de sua casa, em Itaipu


Desde quando você conhece o Clic e como foi que ficou sabendo da sua existência?
Vera Leite: Tomei conhecimento do Clic  em 2011, no O Globo/Niteroi. Então, procurei o site na internet e me inscrevi.   Estive presente nas reuniões de 07 a 09/2011. Desde então, cá estou eu, acompanhando o Clic, virtualmente. Leio os livros e a maioria dos emails. E tenho visto, com prazer, o crescimento do Clic, com a adesão de novos participantes, alguns somente leitores, como eu, outros, escritores, e outros que acrescentam ao amor pela leitura uma rica formação especializada, e novas ideias sendo postas em prática, como o Clic twitter.

Você gosta da forma como os livros do mês são escolhidos? Indicação de cada um, depois encaminhamento dos dois livros mais votados pela internet, via blog e face, para a votação presencial na reunião mensal do Clube? Você costuma votar ?        
Vera: Sim, gosto muito, dando voz  a todos os membros  para votar e também para indicar aquele livro que gostam tanto a outros possíveis leitores. Na verdade, não tenho experiência de escolha de livros num grupo tão grande. Faço parte de uma Roda de Leitura - somente escritores brasileiros- no condomínio onde moro, são cerca de 10 membros. Assim podemos indicar os livros e votar ao final de cada reunião. Para quem quiser conhecer: www.saladeestudos.com . Também implantamos o projeto "Livro Livre", numa estante em que os condôminos podem deixar ou pegar livros. Imagino que deve ser bem trabalhosa a administração dos votos no Clic, registro e contagem de tantas opiniões diversas. Procuro votar sempre, da última vez já votei em "Infâmia".

Vera e as netas Juliana, Mariana e Maria Clara (gêmeas),
mais a gatinha (adotada) Moleca
O que você acha que mais atrai as pessoas a participarem do Clic? Se possível, dê um exemplo ou sugestão para cada tipo de participação (via blog, facebook, e-mails e reunião)?
Vera: Penso que em primeiro lugar está o prazer de ler e poder compartilhar a leitura,  trocar impressões, ou somente ler ou ouvir, quer estejamos de acordo ou não. É muito bom tomar conhecimento de aspectos que impressionaram outros leitores e que às vezes nem nos demos conta. 
E depois, a participação pela internet,  agora com twitter,super contemporânea. Particularmente, gosto mais dos e-mails, talvez por ser como uma conversa informal. Acesso o blog e o facebook  mais raramente, quando recebo indicações pelo e-mail, adoro  ler  os escritores do Clic, os contos, as crônicas, os poemas, as resenhas, os vídeos e outras informações.

Qual a sua forma de participação preferida e por que?
Vera:
 A minha participação está deixando muito a desejar...fica na leitura e no acompanhamento das postagens. Gosto mais de ouvir do que de falar. Quem sabe saio da concha?

Você gostaria de fazer alguma sugestão ou mandar um recado para os participantes do Clube?
Vera:
Sim, gostaria de sugerir que, se possível, ao indicar um livro,
  fosse  levada em conta  a disponibilidade  no mercado. Sei que é difícil, mas os membros do Clic me surpreendem com a solidariedade e a organização.E o meu recado  é: Muito obrigada a todos pela oportunidade de compartilhar a leitura com vocês. Como gosto de ler, comprava livros às cegas, e lia em completo isolamento. Parabéns a todos que trabalham para levar o Clic avante, alô Concierge, Newton, Helentry, Antônio, Sonia Salim, Eloísa, turma da informática e a todo o grupo.. E  em especial, a você, Rita. Obrigada pela entrevista, um beijo.

By: Rita Magnago

6 comentários:

  1. Muito legal. Essas entrevistas nos dão uma dimensão maior e mais real do que é o CLIc, um grupo grande, bacana, heterogêneo, plural e democrático, onde cada um participa como quer, da forma que se sente mais confortável e dentro de suas possibilidades. É como se fôssemos, o CLIc, um livro onde cada um de nós escreve uma página. Ao final temos uma história multifacetada, rica e bela. Parabéns à Vera, à Rita, ao Concièrge, ao blog... enfim, ao CLIc!

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante a entrevista com a Vera Leite, pois nos aproxima mais da vida de cada participante do CLIc e faz com que saibamos a forma como gostam de participar em dado momento da existência. Ela diz, "Quem sabe saio da concha?", e eu digo, já saiu, Vera, e nós amamos as suas palavras. É importante valorizar a diversidade, cada pessoa participa da forma que se sentir melhor, pois somos ricos em particularidades, quando falta em um encontramos em outro o que precisamos.
    Parabéns à Rita que tem mostrado as riquezas do CLIc para todos. É um trabalho muito interessante o que o blog vem fazendo. Todos nós ganhamos conhecimento e satisfação.
    Lendo o comentário do novaes/ acima eu lembrei de ter imaginado há dias, uma Antologia para o CLIc. Já fizeram algum trabalho nesse sentido?

    Abraços!

    Sonia Salim

    ResponderExcluir
  3. è uma oportunidade de conhecermos um pouco mais os membros...Ceci

    ResponderExcluir
  4. Muito bom para quem ainda mede a participação dos membros do CLIC pela presença física nas reuniões. Claro que é uma "mais valia" estar perto, conviver, conhecer presencialmente os leitores e poder trocar sentimentalidades que a gente não consegue virtualmente, mas devemos cada vez mais considerar essas participações interativas como um ganho muito positivo para o Clube. Adorei conhecer a Vera através desta entrevista.

    ResponderExcluir
  5. Mágico e encantador!

    Belíssima entrevista! Parabéns à poeta e à leitora participante virtual! novaes/ foi muito feliz na descrição das formas de participação no Clube de Leitura Icaraí. Só não participa quem não quer.

    Boas Festas!

    ResponderExcluir
  6. Pois não é? Só não participa quem não quer, forma virtual ou presencial.Ótima entrevista!excelente registro!

    ResponderExcluir

Prezado leitor, em função da publicação de spams no campo comentários, fomos obrigados a moderá-los. Seu comentário estará visível assim que pudermos lê-lo. Agradecemos a compreensão.