CLIc: uma janela aberta às mentalidades coletivas

A literary think tank

O Clube de leituras não obrigatórias

Fundado em 28 de Setembro de 1998

21 de setembro de 2014

Clube Jovem - Grandes esperanças: Charles Dickens



O ritual diário de Charles Dickens

Primeiro, ele precisava de absoluta quietude; em uma de suas casas, uma porta extra foi instalada para bloquear barulhos. E seu studio devia ser precisamente organizado, com sua mesa em frente a uma janela e seus materiais de escrita – canetas de penas de ganso e tinteiro azul – próximos a város ornamentos : um pequeno vaso com flores frescas, uma grande faca para cortar papel, uma folha dourada com um coelho empoleirado sobre ela, e duas estatuetas de bronze (uma representando um par de sapos gordos duelando, a outra um cavalheiro cercado por filhotes).

Jovens de grandes esperanças

"Por que, qual é o problema com você?", perguntou Miss Havisham, com extrema vivacidade.
"Nada que valha a pena ser mencionado", respondeu Camilla. "Não desejo exibir meus sentimentos, mas pensei mais em você durante a noite do que desejaria."
"Então não pense em mim", retrucou Miss Havisham.




A criação que eu recebera de minha irmã me tornara uma criança sensível. No pequeno mundo em que vivem as crianças, não importa quem as crie, nada é mais delicadamente percebido, nada é mais delicadamente sentido que a injustiça.



Ask no questions, and you'll be told no lies.

Mrs. Joe was a very clean housekeeper, but had an exquisite art of making her cleanliness more unconfortable and unacceptable than dirt itself. Cleanliness is next to Godliness, and some people do the same by their religion.


Esta obra pretende ser uma história de redenção moral do protagonista, Pip, um órfão criado rigidamente pela irmã num lar humilde e disfuncional, que, após herdar inesperadamente uma fortuna, rejeita a família e os amigos por se envergonhar da própria origem. No começo o leitor poderá conhecer o infortúnio de Pip, o narrador que vive aterrorizado pela irmã mais velha que, após a morte dos pais, criou-o 'com a mão de ferro', bordão para a maneira rígida e por vezes violenta com que trata o filho de criação e também o marido, o ferreiro Joe Gargery. Sua vida começa a mudar com o inesperado convite para que passe a visitar Miss Havisham, uma mulher rica da aldeia, e seja companhia de sua filha adotiva, Estella. Pip imediatamente tem uma queda pela garota, sentimento que se transformará em amor durante a vida adulta e o conduzirá à imoralidade. A vida de Pip sofre uma reviravolta ainda maior quando, já se preparando para o ofício de ferreiro, recebe a visita de um advogado, que anuncia que o jovem é herdeiro de uma fortuna. Após abandonar a família para viver em Londres, Pip passa a desprezar a sua vida anterior, tentando tornar-se digno de se casar com Estella, que, no entanto, não se interessa por seus sentimentos.


Filme de 2012


Leia aqui sobre o Projeto Dickens


BBC 1999


"Parta os corações deles, minha menina, minha alegria e meu orgulho... parta-os... e não tenha piedade!"

Filme de 1998



GRANDES LIVROS



3 comentários:

  1. Ótima escolha do CLIcTeen. Gosto muito de Charles Dickens. Quem sabe os adultos podem participar on line, rsrsrs?

    ResponderExcluir
  2. Traz as pimpolhas, porque nas reuniões são elas que tem de acontecer. Tem sido uma experiência muito gratificante a participação da Lis. Mesmo que as meninas não deem conta do livro, elas podem ver o filme, gostar da conversa com a turma linda que está comparecendo e desenvolver mais o gosto da leitura para conversar com as novas amizades que farão no Clube. Abri um excelente canal de comunicação com Lis, inimaginável de outra forma, porque usa elementos das leituras comuns. Incentivo todos a fazerem o mesmo porque é demais!!! Estranhamente o grupo está sendo dominado pelas meninas, eu que sempre achei que os meninos gostassem mais de ler. Em relação à sua participação, ela é bem vinda de todas as maneiras, porque os anos não passaram pra você, que continua mais jovem do que nunca!

    ResponderExcluir
  3. Esse é nosso concièrge, sempre galante e incentivador! Adorei sua última frase, rsrsrs. Sobre as meninas, eu já falei duas vezes sobre a reunião jovem, o livro "A culpa é das estrelas" elas inclusive já tinham lido, assim como tb viram o filme, mas estão reticentes ainda, porém não me dei por vencida. Vou comprar esse do Dickens e tentar ler com elas, se gostarem, quem sabe mudam de ideia sobre as reuniões? Muito bom saber da sua experiência. Com meu filho mais velho também tivemos um canal muito especial quando estudamos inglês juntos, inesquecível. Abraços.

    ResponderExcluir

Prezado leitor, em função da publicação de spams no campo comentários, fomos obrigados a moderá-los. Seu comentário estará visível assim que pudermos lê-lo. Agradecemos a compreensão.