CLIc: uma janela aberta às mentalidades coletivas

A literary think tank

O Clube de leituras não obrigatórias

Fundado em 28 de Setembro de 1998

13 de outubro de 2017

Regras do Jogo da Pergunta - Os Trabalhadores da* MAR de Victor Hugo


Luzes - Rio de Janeiro - 2015 - foto de Fernando Costa - Boa noite amigas e amigos do CLIC :) Se vocês pretendem participar do JOGO DA PERGUNTA, que será realizado durante o debate do livro OS TRABALHADORES da* MAR, previsto para dia 19 de outubro às 19 h, as regras do jogo, se M. le Concierge estiver de acordo, serão as seguintes: - Cada participante receberá um
número ao início do jogo. - Esses números serão sorteados 30 vezes. - Cada pessoa sorteada escolherá cegamente uma das 60 perguntas disponíveis dentro de uma urna. - Cada acerto merecerá um prêmio, que poderá ser uma bala de chocolate Toffee, um queijo Polenguinho ou um livro e será entregue imediatamente. - Os prêmios que sobrarem ao final, por falta de ganhadores, serão vendidos a quem desejar comprar essas balas, queijos ou livros restantes. - O valor total arrecadado constituirá o prêmio em dinheiro para a última pergunta, a de número 31, a mais difícil de todas. - Caso o leitor sorteado não acerte a última pergunta, as pessoas presentes decidirão, por votação, o destino a ser dado ao valor arrecadado em dinheiro. - Afinal de contas estamos numa democracia. - Ou não? - Entenderam? - Espero que sim. - Se não, estamos aqui para esclarecermos as dúvidas. - Abraço. :) Fernando Costa PS - Detalhe importante - As respostas a todas as perguntas que serão feitas durante o JOGO DA PERGUNTA poderão ser encontradas na tradução feita por Machado de Assis para "Os Trabalhadores do MAR", cujo texto integral vocês encontrarão na Wikisource ou clicando aqui. Ou acessando o link abaixo. https://pt.wikisource.org/wiki/Os_Trabalhadores_do_Mar - A propósito leiam este importante texto sobre as traduções de Os Trabalhadores da MAR, que Junia Barreto escreveu a respeito, intitulado: TRAIÇÕES EDITORIAIS: OS TRABALHADORES DO MAR, DE VICTOR HUGO A MACHADO DE ASSIS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado leitor, em função da publicação de spams no campo comentários, fomos obrigados a moderá-los. Seu comentário estará visível assim que pudermos lê-lo. Agradecemos a compreensão.