CLIc: uma janela aberta às mentalidades coletivas

A literary think tank

O Clube de leituras não obrigatórias

Fundado em 28 de Setembro de 1998

23 de outubro de 2015

Clube Jovem - Clube da Luta: Chuck Palahniuk







A primeira regra do Clube de Leitura é: você não fala sobre o Clube de Leitura. Vamos mudar isso.





É quebrando uma regra importante do Clube da Luta que viemos convidar você para o debate sobre esse clássico da literatura e do cinema no Clube de Leitura Jovem que acontece hoje na Livraria Icaraí. Você deve ter acompanhado algumas curiosidades que postamos aqui e em nosso Instagram (@eduff.editora) sobre o livro durante a semana. Mas se essa é a primeira vez que você ouve falar dele, vai poder vislumbrar aqui embaixo um pouco do que vai encontrar por aquelas páginas.



O livro, escrito em 1996 por Chuck Palaniuk, se inseriu definitivamente na cultura pop com a realização do filme dirigido por David Fincher e estrelado por Brad Pitt e Edward Norton, logo depois. Na trama, cheia de humor negro, um homem viciado em consumo de repente se vê sem nenhuma perspectiva de vida, questiona-se e começa a frequentar grupos de terapia. Sua mente começa então a lhe pregar peças - talvez por causa de sua insônia - até que ele conhece alguém que mudará sua vida para sempre: Tyler, que se torna o exemplo de como revolucionar sua vida.



Isso é o máximo que podemos dizer sem revelar spoiles da trama. Se você quiser saber mais, venha participar do debate no Clube de Leitura Jovem de hoje! Lembrando que o horário mudou e de agora em diante será sempre às 16h. Esperamos você!






"Trabalhamos em empregos que odiamos para comprar coisas que não precisamos...".

Você provavelmente já leu essa frase em algum lugar enquanto navegava pela internet. Mas se não leu o Clube da Luta, nem imagina que sua autoria seja de Tyler Durden, famigerado personagem do livro de Chuck Palaniuk, que será o tema do Clube de Leitura Jovem desta semana!

Há outras frases sensacionais no livro como "Você não é o dinheiro que possui no banco" e "Você não é o carro que dirige", que foram largamente reproduzidas e se tornaram ícones de toda uma geração. Com essas poucas referências, podemos ter uma noção do rico conteúdo que nos espera na obra.


Se você quiser se aprofundar, venha para o Clube de Leitura Jovem, que a partir de quinta terá novo horário, 16h, sempre na Livraria Icaraí.







"Valley Of The Dolls"
In the valley of the dolls we sleep, we sleep
Got a hole inside of me, of me

Born with a void, hard to destroy with love or hope
Built with a heart, broken from the start
And now I die slow

In the valley of the dolls, we sleep
Got a hole inside of me
Living with identities
That do not belong to me
In my life, I got this far
Now I’m ready for the last hoorah
Dying like a shooting star
In the valley
In the valley
In the valley

Pick a personality for free
When you feel like nobody, body

Born with a void, hard to destroy with love or hope
Built with a heart, broken from the start
And now I die slow

In the valley of the dolls, we sleep
Got a hole inside of me
Living with identities
That do not belong to me
In my life, I got this far
Now I’m ready for the last hoorah
Dying like a shooting star
In the valley
In the valley
In the valley

Back to zero, here we go again, again
Racing down into oblivion
Back to zero, here we go
I can feel it coming to the end
The end

In the valley of the dolls, we sleep
Got a hole inside of me
Living with identities
That do not belong to me
In my life, I got this far
Now I’m ready for the last hoorah
Dying like a shooting star
In the valley
In the valley
In the valley
In the valley
In the valley





Um momento é o máximo que se pode esperar da perfeição. 

O Dr. Tyler Durden recomenda uma dose saudável de Limp Bizkit.





Depois de debatermos o sonâmbulo amador no clube de leitura Icaraí, agora chegou a vez do sonâmbulo profissional no Clube Jovem: Tyler Durden é a entidade que se apossa da mente de um cidadão comum e leva sua vida às últimas consequências. Quando o pacato cidadão consegue finalmente vencer a insônia, transforma-se em Durden. 





Um momento é o máximo que se pode esperar da perfeição. 





Somos os filhos do meio da história, criados pela televisão para acreditar que algum dia seremos milionários, astros de filme ou da música, mas não seremos. E estamos entendendo isso agora – Tyler falou. – Então não venha foder com a gente.





"Durante milhares de anos os humanos foderam, sujaram e fizeram merda com este planeta e agora a história espera que eu limpe tudo... Eu tenho que pagar a conta do lixo nuclear, tanques de combustível enterrados e terra cheia de lixo tóxico jogado lá uma geração antes de eu nascer… 

Queria respirar fumaça… 


Queria queimar o Louvre. Quebraria os mármores do Panteão com uma marreta e limparia a bunda com a Mona Lisa. Esse é o meu mundo agora. 


Esse é o meu mundo agora, o meu mundo, e as pessoas antigas estão mortas."








A descoberta do sabão





Tyler Durden vive!


“Há uma categoria de homens e mulheres jovens e fortes que querem dar a própria vida por algo. A propaganda faz essas pessoas irem atrás de carros e roupas que elas não precisam. Gerações tem trabalhado em empregos que odeiam para comprar coisas de que realmente não precisam. - Não temos uma grande guerra em nossa geração ou uma grande depressão, mas na verdade temos, sim, é uma grande guerra de espirito. Temos uma grande revolução contra a cultura. A grande depressão é a nossa vida. Temos uma depressão espiritual.”





Flores nascem e morrem
O vento traz borboletas ou a neve
A pedra não percebe

Abelhas operárias podem sair
Zangões também voam por aí
Mas a rainha é escrava deles




Sem ter apenas um ninho
Um pássaro pode chamar o mundo de lar
A vida é sua profissão








Chuck Palahniuk
Chuck Palahniuk nasceu nos EUA, em 1961. Embora tenha estudado jornalismo, preferiu tentar a vida como mecânico antes de se dedicar à literatura. De devorador de livros, Palahniuk se tornou escritor. Depois de publicar alguns contos em pequenas revistas, lançou seu primeiro livro em 1996. Era Clube da luta, um romance maldito que se tornaria filme de sucesso nas mãos do cineasta David Fincher em 1999. Desde então, o autor não parou de dar ao mundo histórias politicamente incorretas, dotadas de humor negro, narrativas modernas, anti-heróis amorais, desfechos imprevisíveis e detalhes repugnantes, quase sempre criticando o estilo de vida capitalista, mas sem levantar bandeiras – exceto a da boa literatura.





ESSA É SUA VIDA!





A primeira regra do Clube de Leitura Jovem é: você não fala sobre o Clube de Leitura Jovem. A segunda regra do Clube de Leitura Jovem é: você não fala sobre o Clube de Leitura Jovem. A terceira regra do Clube de Leitura Jovem é ...




O clube da luta é idealizado por Tyler Durden, que acredita ter encontrado uma maneira de viver fora dos limites da sociedade e das regras sem sentido. Mas o que está por vir de sua mente pode piorar muito. O livro serviu de base para um filme de 1999, procurando adaptar a atmosfera do livro, o mundo caótico do personagem e o humor negro do autor.








"Case antes do sexo ficar tedioso, 
senão você nunca se casará."





Nada é estático. Tudo está desmoronando.

Por baixo, por trás e por dentro de tudo que eu dava como certo tem algo horrível sendo cultivado.





2 comentários:

  1. Clube da luta está cheio de haicais, no entanto, acho que Elenir não os aprovaria porque acho que eles não obedecem a métrica 5-7-5. Deve ser por causa da tradução do inglês para o português, o tradutor não deve ter atinado para isso. Se ainda fosse a Cyana a traduzi-los, certamente ficaria adequado, como os haicais do Pimentel que ela verteu para o inglês e divulgou aqui no Clube em outra oportunidade.

    ResponderExcluir
  2. Totalmente psicodélico este livro!

    ResponderExcluir

Prezado leitor, em função da publicação de spams no campo comentários, fomos obrigados a moderá-los. Seu comentário estará visível assim que pudermos lê-lo. Agradecemos a compreensão.