CLIc: uma janela aberta às mentalidades coletivas

A literary think tank

O Clube de leituras não obrigatórias

Fundado em 28 de Setembro de 1998

14 de fevereiro de 2014

Ilnéa Miranda está no Clube de Leitura Icaraí - 15 anos entre livros

Sem nome… como você




Eu te encontrei na rua
Pequena, frágil, delicada
Mas não estava só
E embora abandonada.

Dentre os irmãos: a mais bonita.
Me conquistate, olhar matreiro
De enormes olmos cinza-azul-azul cinzento.

Brincando de Deus
Decidi te dar felicidade.
E, mais que isso pensei
Poder te fazer Feliz.
E te peguei no colo…
… te trouxe numa caixa…
… pequena… assim como você
E de segunda mão,
Assim como você.
Pobre criaturinha…
… ou pobre de mim?

Você se foi, quieta
Sem deixar vestígios
Além daqueles que deixou em mim.
Linda coisinha branco e cinza
           Me perdoe.
Brincar de Deus… não é fácil assim.

Ilnéa,

em 16 de dezembro de 1980


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado leitor, em função da publicação de spams no campo comentários, fomos obrigados a moderá-los. Seu comentário estará visível assim que pudermos lê-lo. Agradecemos a compreensão.