CLIc: uma janela aberta às mentalidades coletivas

A literary think tank

O Clube de leituras não obrigatórias

Fundado em 28 de Setembro de 1998

13 de dezembro de 2013

Clube de Leitura Icaraí: entrevista com os organizadores do livro e concièrges: Evandro e Cintia

15 anos entre livros
By: Rita Magnago


O primeiro livro do Clube de Leitura Icaraí está pronto. Um marco, um registro histórico destes 15 anos de existência. O livro traz também poesias, haicais, contos, crônicas e textos diversos de 27 dos seus integrantes. Tudo em uma impressão caprichada da editora da UFF. Querem saber mais desta conquista, dos bastidores da produção, como tudo se passou? Fiquem por dentro lendo a entrevista com os organizadores e concièrges, Evandro e Cintia.



Como foi a experiência de organizar e editar o livro do CLIc? O que deu mais trabalho?


Foi gostoso ver o livro tomando forma. Da primeira vez que lemos todo o material (ainda no rascunho do livro) ficamos contentes com o que tínhamos: belas crônicas, contos, poemas, haicais. A compilação dos textos ficou bela e rica. Neste sentido foi uma honra estarmos envolvidos neste Projeto. Parabéns aos autores pela qualidade de seus escritos!
Acho que quase tudo, se não tudo, que conseguimos de bom na vida demanda trabalho, o que não tem que ser algo desagradável, se você faz por opção. O livro do Clube foi uma opção, um trabalho inteiramente voluntário, do início ao fim. Acho que isso é uma das coisas legais sobre este livro. Em todos os níveis, desde a contribuição de material para o conteúdo, a organização, edição, produção gráfica e publicação é trabalho voluntário.
Trabalhamos em equipe com os 27 autores envolvidos. Todos enviaram seus textos, fotos e opiniões de forma cooperativa e espontânea. Os membros do Clube responderam pronta e carinhosamente aos pedidos de autorização para uso de citações ou imagens. O mesmo pode ser dito sobre as “celebridades” (autores ou professores especialistas em determinadas obras) que nos visitaram em reuniões diversas, as quais, sem exceção, retornaram com entusiasmo e simpatia ao nosso contato. Sem falar das várias editoras que foram contatadas para a confecção da capa, de muitas das quais recebemos parabéns. Tivemos o apoio de Gracinda Rosa, que fez a revisão da gramática. E, finalmente, com a Editora da UFF foram meses de trabalho em parceria que nos trouxe grande aprendizado no processo de elaboração de um livro.


O que nos deu mais trabalho, então, diríamos, foi harmonizar toda essa participação numa obra que retratasse satisfatoriamente o Clube de Leitura Icaraí.  



Alguma coisa que vocês gostariam que constasse no livro e ficou faltando?


Cada um de nós escreveria um livro diferente, partindo de outra abordagem. Isso é muito interessante. "Clube de Leitura Icaraí - 15 anos entre livros" foi um livro realmente feito a várias mãos. A segunda e a terceira parte, certamente, mas também a primeira parte, que apesar de ter textos escritos por nós, foi moldada pensando no que poderia ser interessante para as pessoas que fazem parte do Clube e acatando algumas dicas e orientações.
Algo que achamos que teria  sido legal incluir no livro seria uma espécie de compilação de cada leitura do Clube, onde, para cada livro lido, apresentássemos, em aproximadamente uma página, as impressões do Clube (pontos elogiados, críticas realizadas, comentários e textos inspirados). Sem almejar críticas literárias elaboradas, mas somente retratar o que a leitura aflorou no Clube. Seria muito rico, no sentido de nos fazer lembrar sempre de cada leitura. Mas isso resultaria numa quarta parte do livro ou num formato diferente. Fica a ideia para uma próxima produção.


Além disso, embora quase trinta pessoas tenham contribuído nessa edição, sentimos falta de muita gente ainda. Esperamos que o livro motive outros leitores a se aventurarem na produção literária a partir da bagagem de leituras que já adquiriram com a participação no Clube. Esse foi o espírito original que motivou a produção do livro, ampla participação como parte das comemorações dos 15 anos do clube de leitura.



Vocês têm conhecimento de outro Clube de Leitura que tenha editado um livro próprio? O livro será distribuído para algum outro clube ou biblioteca no estado?


Não, não temos. Sabemos que a Livraria da Travessa tem uma antologia escrita pelas pessoas que trabalham na livraria, com textos que retratam suas vivências no trabalho, sempre relacionados a livros, livreiros ou livrarias. Sabemos que alguns Clubes têm pessoas ligadas a área de Letras e que estas pessoas acabam utilizando sua experiência nos clubes em que participam como uma espécie de laboratório que resulta em trabalhos acadêmicos. Mas livro como o nosso, ainda não ouvimos falar. Talvez sejamos pioneiros, no que atribuímos muito ao dinamismo e iniciativa da Rita Magnago e ao entusiasmo com que a Editora da UFF nos acolhe em seu espaço cultural, através do seu diretor Mauro Romero.
Evandro: “O livro será distribuído para dezenas de bibliotecas públicas, escolares e universitárias, também para autores que nos prestigiaram nesses 5 anos de atuação na Livraria Icaraí e para as editoras que gentilmente autorizaram a reprodução das capas dos livros lidos no Clube na belíssima capa produzida pela Cintia, e que nos tenham solicitado exemplares durante o processo de autorização de reprodução das mesmas”.



Acreditam que essa experiência possa gerar um número ainda maior de leitores para o clube?


Sem dúvida! Os leitores verão que um clube de leitura é fundamental para dar prosseguimento as suas leituras, por ser um espaço para falar sobre o que leram, debaterem, conhecerem pessoas com interesses afins, aprofundarem a experiência literária, descobrirem novas obras e escritores, e perceberem que somos atores importantes dessa magia denominada Literatura. Principalmente quando ousamos realizar a travessia do verso, produzindo nossos próprios textos, quando ao reinterpretar nossas leituras cumprimos um dos misteriosos desígnios da obra de arte, que se enriquece pelos desdobramentos que proporcionam a cada nova recepção.  






Qual foi a emoção de ver o livro prontinho, em mãos?

É bom ver algo que a gente se propõe a fazer concretizado. A sensação é de "Legal, deu certo!" e daí a gente pode por aquele tracinho de “trabalho concluído”. Mas é só uma etapa pois além de ter o livro nas mãos, há a fase seguinte de saber se as pessoas gostaram do resultado.



O livro físico já está à venda na livraria da UFF. E quem quiser adquirir o e-book, como deve fazer?

Essa informação que veiculamos no blog foi uma precipitação. Quando nos disseram que o livro também tem e-book interpretamos, na empolgação, que ele também estava disponível. O e-book levará ainda um pouco mais de tempo para sua finalização.


Quando e como será o lançamento oficial do livro?

O livro é uma parceria entre os escritores, os organizadores e a Editora da UFF. Vamos esperar o comunicado da Editora que tem se mostrado impecável na divulgação do nosso clube de leitura, um excelente trabalho realizado pela equipe da Ana Paula.


Gostariam de deixar mensagens para os cliceanos, para os leitores em geral, para a editora?

É muito gratificante testemunhar o poder de transformação que as leituras exercem sobre as pessoas e ver tantos leitores do Clube produzindo belíssimos textos como os que encontramos no livro. Gostaríamos de dizer, no entanto, que nosso Clube é essencialmente um clube de leitores, razão de ser da sua existência. Se você quiser apenas ler os livros e conversar sobre suas leituras, queremos muito você no CLIc. Não importa se você vive em Icaraí, Acari ou Mumbaī, porque pela Internet acessamos quanto do mundo se pode ler, o que nos faz do tamanho da nossa rede de participantes.

Gratidão a todos que participaram deste Projeto. Agradecemos também aos nossos companheiros de produção da Editora, Ricardo e Leandro e nossas queridas anfitriãs das reuniões mensais, Teresinha e Fátima, extensivos a Luciene e Geraldo. Last but not least, um abraço para o Marcelo que sempre nos acompanha em todas as reuniões com sua mammy!

Desejamos a todos um Feliz Natal e um 2014 com muitas leituras!




7 comentários:

  1. Grande entrevista! De fato, o livro ficou belo e representativo! Mais que isso, é também um excelente histórico do clube de leitura, o que, acredito, possa funcionar como incentivo ao surgimento de clubes de leitura por aí afora. Seria muito bom, para esse nobre fim, que realmente chegasse a escolas, bibliotecas e instituições onde o CLIc possa contribuir (pelo exemplo), quem sabe, para a difusão da leitura compartilhada, que é a leitura elevada à enésima potência. Cíntia e Evandro merecem todos os parabéns pela coordenação do (árduo) trabalho. Lembro aqui também a Luzia Veloso e a Rita Magnago, como mentoras da ideia da "antologia" comemorativa dos 15 anos do CLIc (se não me falha a memória). A antologia ganhou corpo, criou asas e... quem sabe onde pode vir a pousar! Estamos todos de parabéns no CLIc, os leitores que levam esse clube adiante, os autores que colaboraram com a publicação e a EdUFF, pela decisão de publicar apresentando um belo produto final.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já que citei nomes acima, não poderia esquecer, nessa "força-tarefa" de construção do livro, a importante participação da Gracinda, na revisão dos originais. Um trabalho que corresponde aos alicerces de uma obra, a base fundamental, sem a qual tudo ficaria comprometido.

      Excluir
  2. Gosto muito de fazer entrevistas, mas essa foi realmente super especial porque somos todos parte do belo contexto. Evandro e Cintia estão de parabéns, souberam concretizar nosso sonho de ter um livro do CLIc e o resultado ficou show de bola. O trabalho voluntário de todos, e destaco em particular o de Cintia, supercompetente, foi um quê a mais. Em um mundo onde tantos ideais afundam, ver que podemos ainda fazer coisas idealistas e que quando um grupo se junta com esse propósito dá certo, é estimulante e alentador. Agradeço também ao Prof. Mauro e sua equipe, que acolheram com entusiasmo a proposta do livro, assim como nos recebem sempre com carinho nas reuniões de sexta. Fico mais feliz ainda de participar deste Clube pra lá de encantador. Obrigada a vocês todos.

    ResponderExcluir
  3. Rita, você é o combustível do nosso clube de leitura!

    Novaes/, o CLIc, realmente, é um lugar especial, onde cada um descobre seu espaço para contribuir como pode, sabe ou quer. Desde o simples expectador que nos acompanha, o leitor, coração do clube de leitura, passando por aqueles que trazem uma ideia nova, um novo rumo e, também, com espaço para atuação da Livraria, da Editora e da Universidade, sempre de boa vontade e espontaneamente, mesmo que às vezes seja preciso algum estímulo maior, quando então contamos com o dinamismo de tantos participantes para fazerem as coisas acontecerem. E além disso, temos a presença dos escritores maravilhosos que abrilhantam o Clube, como você, Rita Magnago, Mike Sullivan, Gracinda Rosa, Carlos Rosa, Sonia Salim, Cícero Lapa, William Lial, Luzia Veloso, e tantos outros.

    Somos um clube de leitura e de vida!

    ResponderExcluir
  4. O livro de 15 anos do Clube de Leitura já foi distribuído para o núcleo de documentação da universidade (15 exemplares) para que sejam encaminhados a suas bibliotecas, e além desses, também foram enviados exemplares para a Biblioteca Pública Estadual de Niterói, para o Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro, para a Fundação Biblioteca Nacional, para a Fundação Memorial América Latina, para a Fundação Municipal de Educação, para o MEC/CIBEC, para o Museu Histórico Nacional, para a Biblioteca Nacional de Brasília e para a Library of Congress Office. O livro será encaminhado também para diversas editoras e escritores no Brasil e no exterior. O livro está sendo vendido na Livraria Icaraí da Editora e será encaminhado em breve para a Livraria da Travessa.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns a todos os integrantes do CLIc! Parabéns, Cíntia e Evandro, os organizadores do 1º livro do Clube de Leitura Icaraí e à Rita Magnago pela entrevista! Estou ansiosa em poder folhear e ler esse tão sonhado/elaborado livro. Enfim, parabéns a todos os envolvidos no processo de "nascimento" do livro. Abraços!

    ResponderExcluir

Prezado leitor, em função da publicação de spams no campo comentários, fomos obrigados a moderá-los. Seu comentário estará visível assim que pudermos lê-lo. Agradecemos a compreensão.